Instituto Geológico, Quarta Feira, 19 de Dezembro de 2018
Home
O Instituto
Áreas de Atuação
Programas
Projetos
Produção Científica
Laboratórios
Acervo
Prestação de Serviços
Publicações
Educ. Ambiental/Ecoturismo
Outros Sites
Contatos
Trabalhe conosco
Webmail
Mapa do Site
  Museu Geológico - MUGEO
  Fósseis do Estado de São Paulo
       No vão central desta sala estão expostos fósseis vegetais e animais, que representam a evolução da vida na Terra; organizadas, da esquerda para direita, dos mais antigos para os mais recentes. Dentre os principais fósseis expostos, temos:

       Estromatólitos - Estruturas Algálicas

       São registros fósseis do período Pré-Cambriano - mais antigo que 560 milhões de anos - que correspondem a evidências indiretas da atividade de algas cianofíceas e aparecem em rochas calcárias sob a forma de domus, massas esferóides ou colunas.

       Apesar das dificuldades de preservação, existem algumas importantes ocorrências de fósseis registrado no pré-cambriano de várias partes do mundo - Austrália, Canadá e África do Sul. No Museu os estromatólitos expostos, possuem idade aproximada de 2 bilhões de anos e são provenientes da região de Itapeva -SP, no Vale do Ribeira.

       Vegetais

       Entre os fósseis de vegetais, expostos no Museu, distinguem-se os vestígios de folhas e as madeiras petrificadas, formadas pela substituição da matéria orgânica por minerais de sílica, com a conservação da estrutura e dos anéis de crescimento. Estes troncos, pertencentes a antigas florestas, são encontrados em São Paulo, nas regiões de Rio Claro, Piracicaba, Guareí, Porangaba, Conchas etc.

       Outras amostras, provenientes de vegetais, são turfa, linhito e o carvão mineral, formados em ambientes sem oxigenação, em grande parte aproveitada pelo homem para a geração de energia, que pertencem ao grupo dos combustíveis fósseis.

       Fóssil de Morcego (exemplar raro)

       O fóssil de morcego existente neste Museu é considerado, bastante raro ocorrendo apenas três em todo o continente americano. É um Chiroptera indeterminado, e foi encontrado nos sedimentos da Formação Tremembé de idade oligocênica (de 37 a 22,5 milhões de anos atrás), na região de Taubaté - São Paulo.

       Fauna Pleistocênica

       O Pleistoceno é a época anterior a atual (Holoceno), mas apesar de estar, geologicamente, próxima do nosso tempo, foi uma época bastante diferente da nossa realidade atual. Uma das características do Pleistoceno era a sua fauna que continha grandes mamíferos e hoje se encontram extintos.

       No Mugeo temos alguns fósseis representantes dessa época, como por exemplo, os ossos de Megatério (Preguiça Gigante) encontrados em caverna da região de Capão Bonito - SP, e os dentes de Mamutes provenientes de Águas de Lindóia.



Instituto Geológico - Secretaria de Estado do Meio Ambiente
Tel. 11 5073-5511 - Ramal 2078 | Fax. 11 5077-2219
E-mail: igeologico@igeologico.sp.gov.br

Instituto Geológico 2004

1905522
Desenvolvido por: Equipe de Desenvolvimento do Site Instituto Geológico - SMA
Para Melhor Visualizar Utilize: Internet Explorer 5.0 em diante e Resolução de no mínimo 800x600